Um guia para a criação de personas

29 nov 2016
Guilherme Teixeira
505
0

            Para que uma estratégia de marketing digital traga resultados para um negócio é importante que uma série de fatores estejam alinhados em função de um objetivo comum. Um desses pontos determinantes para o sucesso de qualquer planejamento é a persona da empresa. E é dela que vamos falar nesse post.

O que é uma persona?

            A persona é uma representação semi-ficcional do seu cliente ideal. Ela é uma forma que você tem de definir como você vai trabalhar o seu conteúdo, que tipo de material será produzido, qual linguagem deverá ser utilizada e também quais canais de comunicação são mais adequados.

Como desenvolver uma persona?

            Quando dizemos que a persona é uma representação semi-ficcional do seu cliente ideal, queremos dizer que o trabalho para se desenvolver essa persona envolve pesquisas e coleta de dados com os seus clientes reais.

Para começar, elabore uma série de perguntas para conhecer melhor quem são os seus clientes. Faça questões bem precisas e aborde tópicos relevantes para a divulgação do seu negócio. Observe alguns exemplos de áreas abaixo:

1 – Trabalho: em qual empresa a pessoa trabalha e qual cargo ela ocupa? Essas informações são importantes na medida em que você sabe com que tipo de “autoridade” está lidando dentro de cada empresa.

2 – Objetivos e desafios: quais são os objetivos dessa pessoa dentro do seu mercado de trabalho? Quais desafios ela enfrenta diariamente? Procure tentar entender quais são as dores e as metas do seu cliente para elaborar a melhor forma que o seu produto/serviço pode atuar para ajudar esse público.

3 – Informações pessoais: quantos anos tem o seu cliente? Ele é casado? Tem filhos? Quais são seus hobbys? Esse tipo de informação permite que você descreva melhor a sua persona e entenda melhor os seus hábitos. Tudo isso contribui para a produção de material mais a frente do processo.

4 – Como consome informações: essa pessoa lê jornais diários? Passa o dia nas redes sociais? Assiste televisão? Você precisa saber isso se quiser anunciar a sua empresa na mídia certa para o seu cliente ideal.

Depois de reunir essas informações dos seus clientes, observe padrões e utilize-os para descrever uma persona. Veja o exemplo abaixo, de uma persona para uma empresa de consultoria em engenharia:

“Jonas é um engenheiro que está na casa dos 30, 40 anos, é casado e deseja alcançar um cargo de gerência na sua empresa. Quando precisa de informações, Jonas recorre a revistas e manuais específicos da área, mas também utiliza a internet. Sua maior dificuldade hoje é evitar erros e manter a execução dos projetos dentro dos prazos. Sua prioridade no momento de escolher fornecedores é sempre o conhecimento técnico.”

Viu como é simples? Quando você tira um tempo para descrever sua persona, você transforma cada cliente em único. Isso fará com que você seja capaz de prestar um atendimento cada vez mais personalizado e eficiente, focado nas necessidades reais de cada interessado.

Por que é importante criar uma persona para a minha empresa?

Atualmente, as pessoas querem mais do que um bom produto ou um bom serviço. Todo o processo de compra é importante para a tomada final de decisão. De nada adianta ter o melhor serviço no mercado, se você não souber como levar esse serviço até o público certo, nos lugares certos e nos momentos certo.

            A persona, quando bem elaborada, pode abrir oportunidades para você se relacionar melhor com o seu cliente. Ao trabalhar com ele de forma mais íntima, você compreende melhor quais são as suas dores e expectativas e, como consequência, consegue visualizar como o seu produto ou serviço pode estar presente dentro disso.

Gostou do post de hoje? Que tal deixar um comentário?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *